Saiba tudo sobre aquarismo


  • pH da água ideal
  • Substratos
  • Filtragens física, química e biológica
  • Temperatura adequada
  • Iluminação ideal
  • Decoração

O tipo do substrato escolhido tem influência direta no tipo do ecossistema que vai ser reproduzido. Ele influencia diretamente no pH da água, por exemplo.

 

O aquário, na maioria das vezes feito de vidro ou acrílico, pode ter diversas formas ou tamanhos, sendo a forma retangular a mais comum.

 

Dentro dele há todos os itens necessários para a composição do ecossistema e para os processos vitais que vão ocorrer naquele ambiente.

 

Quem se interessa pelo assunto, deve sempre estar atento às dicas de aquarismo para que consiga obter um ambiente adequado para as criações dos seus peixes.

 

Sistemas de filtragem de um aquario

 

Como o aquário se enquadra como um sistema fechado, ele tende a acumular tudo o que é colocado lá dentro.

 

Dessa maneira, o sistema de filtragem se torna fundamental para evitar que o ambiente chegue ao colapso. Existem diversos tipos de filtragem que são aplicadas no aquarismo.

 

Como por exemplo:

 

  • Filtragem biológica
  • Filtragem mecânica
  • Filtragem química
  • Utilização de aparelhos germicidas

A filtragem biológica é a unica que é essencial para todos os sistemas aquáticos, pois ela é responsável por manter todo o equilíbrio do sistema, sendo que esse equilíbrio é dinâmico.

 

A filtragem biológica metaboliza todos os resíduos tóxicos como excesso de alimentos, fezes, animais mortos em decomposição e seus subprodutos.

 

Assim, eles se tornam menos tóxicos e podem voltar a fazer parte da cadeia alimentar. Sendo assim, para que o aquário se mantenha em equilíbrio, é necessário, além dos sistemas de filtragem em ação.

 

Com a utilização de um filtro para aquario, por exemplo, é importante cuidar da manutenção dos ecossistemas, realizando as trocas parciais da água, pois isso influencia na manutenção de um ambiente saudável e em equilíbrio.

 

Aquarismo de água doce e salgada

 

Normalmente, quem está começando no aquarismo opta por um aquário de água doce.. Isso porque, apesar de ter que ser preparada de forma adequada, a água pode ser proveniente da torneira e o aquário precisa apenas de um filtro de aquecedor.

 

Sendo assim, os custos são mais baratos, até mesmo o valor dos animais adquiridos.

 

Os peixes podem ser espécies de água fria ou tropicais, mas nunca se deve colocar os dois misturados, pois a temperatura que cada espécie necessita é diferente. As mais encontradas nesse tipo de aquário são o peixinho dourado e o betta.

 

Já o aquário de água salgada exige mais cuidados, como por exemplo, a mistura de substâncias específicas na água visando obter o pH ideal. Além disso, o aquário deve possuir filtro, aquecedor e também um escumador.

 

Apesar de mais complexa, o cenário dos aquários de água salgada é muito belo, com a composição de corais, moluscos e peixes de diversas cores.