Confira como melhorar o transporte de cães


Precisa viajar e levar seu pet com você? Está de mudança? Vai pegar a estrada com seu amigo do peito?

Quando estamos falando de transporte de animais, é fundamental levar em conta alguns cuidados importantes para que isso seja feito da forma mais tranquila e saudável possível.

Evitando transtornos para você, para as demais pessoas e, claro, para o seu animal.

No artigo a seguir, trouxemos algumas dicas indispensáveis para quem quer levar seu cão de um lugar a outro, seja por meio de ônibus, carros ou mesmo aviões. Confira:

  • Transporte especializado
  • Uso das caixas e bolsas de transporte
  • Viagens por rodovias e voos
  • Influência do porte

Mudando de casa

Quem tem animais de estimação sabe que mudar de casa não é simplesmente mudar de casa, não é mesmo? Muitas questões devem ser consideradas nesse momento, e elas começam logo na procura pelo novo lar.

É preciso avaliar, por exemplo, o espaço disponível para o animal, se ele poderá se adaptar, a existência de locais próximos para a realização dos sagrados passeios, dentre outros fatores importantes.

Tendo tudo isso sido revisado e chegando o grande dia da mudança, é preciso avaliar se será necessário utilizar uma Caixa de transporte para cães ou outro utensílio.

Proporcionando uma locomoção segura e tranquila para seu animal até o novo lar e tomando alguns cuidados específicos que podem ficar por sua conta ou, ainda, por conta de uma empresa especializada nesse tipo de translado.

Lembre-se: seu animal não é parte da mudança, afinal, ele não é um móvel ou um utensílio de decoração, mas um membro da família que merece ser tratado com carinho e conforto.

Sendo assim, jamais sequer pense na ideia de colocar seu cão dentro do caminhão de frete, isso pode ocasionar em um nível de estresse extremamente elevado para o animal, que vai ter uma experiência terrível na estrada. E é proibido por lei!

Nesse caso, você pode optar pelos serviços de uma empresa especializada em transporte de animais, garantindo uma locomoção tranquila para seu cão dentro de veículos próprios, arejados, com tratamento atencioso e delicado voltado para a saúde do seu amigo.

O chamado taxi-dog ou pet-taxi podem até mesmo conduzir seu pet de forma individual, em caixas apropriadas e containers que são fabricados e projetados para promover o máximo desempenho em conforto aos animais que estão sendo transportados.

Transporte em voos e rodovias

Em primeiro lugar vale lembrar que alguns animais demandam obrigatoriamente o uso de uma caixa de transporte, como é o caso de gatos.

Que são bastante escapistas e ligeiros, podendo se perder facilmente em alguma parada na estrada ou mesmo incomodando outras pessoas por perto.

Já com relação aos cães, o controle é um pouco mais fácil, mas isso não significa que você pode simplesmente colocar seu animal no colo e seguir viagem dentro de um ônibus.

Existem regras e leis com relação ao transporte de pets, de modo que a primeira medida a ser tomada é entrar em contato com a empresa de transporte, seja rodoviário ou aéreo, para saber mais sobre as condições nesse caso.

Além disso, os animais precisam estar devidamente vacinados, evitando contaminações, e contar com o Certificado Veterinário Internacional, um documento exigido para o Transporte de cães para fora do país.

Se você vai pegar a estrada por conta própria, dentro de seu veículo, é possível obter mais flexibilidade nesse sentido, desde que esteja viajando dentro do território nacional.

Mas atenção: isso não quer dizer que você pode colocar seu cão atrás do banco e passar horas no volante sem lhe dar carinho, atenção, comida e água.

Pare frequentemente para que o animal possa realizar suas necessidades fisiológicas e se locomover por um tempo, estimulando os músculos e evitando o estresse.

Além disso, proporcione um ambiente devidamente aconchegante para que ele possa descansar durante o trajeto.

O tamanho faz diferença?

Com certeza! Se você tem um pet de pequeno porte, por exemplo, pode transportá-los por meio de uma bolsa apropriada.

Vale lembrar que uma bolsa para cachorro nem sempre é a mesma que uma voltada para o transporte de gatos ou outros animais, sendo essencial avaliar as necessidades de cada tipo de pet antes de escolher um modelo.

Se você tem um cachorro grande, o caso já é outro.

Procure avaliar todas as possibilidades na locomoção desse animal, pois ele não pode ser submetido a estresse, de modo que uma Caixa para transporte de cachorro grande porte é ideal.

O mais importante é garantir o bem-estar do seu amigo e evitar que ele tenha que se sujeitar a situações desagradáveis.

Afinal, ele não tem nada a ver com sua locomoção, viagem ou mudança, apenas te acompanha, e não merece passar por nenhum estresse.